Cachorro comove ao fazer plantão em porta de hospital e é adotado em Sidrolândia (MS)


Foto: Sidrolândia News

Foto: Sidrolândia News

Ninguém conhece a história ao certo. Pode ser mais um daqueles folclores que surgem em cidades pequenas, mas o fato é que um cachorrocomoveu a cidade de Sidrolândia (MS) nos últimos dias.

Desde quinta-feira passada, ele é visto na porta do Pronto-Socorro. “Ia até a esquina, onde tem um restaurante, mas logo voltava e não saía mais”, conta a recepcionista Olga Baldin.

Aos poucos, foi conquistando funcionários do Hospital Dona Elmiria Silvério Barbosa, os pacientes e vizinhos do prédio. “O povo dava alguma coisa para ele comer, brincava com ele…De lá pra cá, os pacientes tiveram alta e ele não saiu dali”, diz Olga. O cãozinho, bem cuidado, seria de Vergília de Lima Gomes, de 82 anos. Internada com problemas respiratórios, ela morreu no último domingo.

Segundo ele, dona Vergília morava sozinha, não tinha parentes, e o cão era a único parceiro visto com freqüência na casa dela, em uma região pobre de Sidrolândia (MS).

A reportagem foi publicada ontem e hoje cedo começaram os telefonemas, de gente disposta a adotar o cãozinho. De manhã já vieram buscar para dar banho e as vacinas, para entregar para uma senhora que mora com a filha e um neto.

No hospital, outras 4 pessoas ligaram nesta quarta-feira mostrando interesse em adotar o cão orfão, que se mostrou fiel ao não arredar as patas do Pronto-Socorro.

Os diretores do hospital dizem que é impossível saber se o cachorro chegou realmente acompanhando dona Vergília, porque são cerca de 130 atendimentos por dia.

Fonte: Campo Grande News

Anúncios
Sem categoria