Denúncia de maus tratos de animais triplica em 2011

Importante registrarmos esta conquista.
Em Petrópolis, o Disque-Denúncia é 0300-2531177. O preço é de uma ligação local e o denunciante terá seu anonimato garantido e poderá acompanhar o andamento por meio de um código.

Denúncia de maus tratos de animais triplica em 2011

Chamadas ao Disque-Denúncia aumentam 22% em SP

27/07/2011 – 12:25

EPTV

Alterar o tamanho da letra A+A-

O número de chamadas ao Disque-Denúncia aumentou 22% este ano no Estado de São Paulo no primeiro semestre, se comparado ao mesmo período de 2010.

Em Campinas, os dados mostram duas curiosidades. Enquanto a polícia campineira registra aumento nos casos de tráfico de drogas, o Disque-Denúncia tem recebido menos denúncias, mostrando que as pessoas estão com mais medo de avisar a polícia a serem vítimas por terem feito a denúncia. Este tipo de crime passou de 28% das ligações para 26%.

Em relação aos crimes contra os animais, este tipo de denúncia ocupava o sétimo lugar no ranking de registros no ano passado, com apenas 2,7% das chamadas. Neste semestre o número triplicou, passando para 14,42% e ocupando a sétima posição. Uma das mudanças na cidade é que uma delegacia especializada foi instalada. “É uma reação natural por causa da iniciativa do Poder Público (Delegacia Contra os Maus Tratos) e a repercussão deste tipo de crime na mídia”, disse o superintendente do Disque Denúncia, Mário de Oliveira Seixas.

Ranking de Denúncias
1º- Tráfico de Entorpecentes
2º-Jogos de Azar
3º-Maus Tratos Contra Crianças
4º-Indicação de Procurados
5º-Veículos Abandonados
6º-Arma de Fogo
7º-Crueldade Contra Animais
8º-Maus Tratos a Idosos
9º-Roubos Gerais
10º- Estelionato, entre outros

http://eptv.globo.com/campinas/noticias/NOT,1,1,360586,denuncia+de+maus+tratos+contra+animais+triplica+em+2011+disque+denuncia.aspx

Anúncios

Denúncia de maus tratos de animais triplica em 2011

Importante registrarmos esta conquista.
Em Petrópolis, o Disque-Denúncia é 0300-2531177. O preço é de uma ligação local e o denunciante terá seu anonimato garantido e poderá acompanhar o andamento por meio de um código.

Denúncia de maus tratos de animais triplica em 2011

Chamadas ao Disque-Denúncia aumentam 22% em SP

27/07/2011 – 12:25

EPTV

Alterar o tamanho da letra A+A-

O número de chamadas ao Disque-Denúncia aumentou 22% este ano no Estado de São Paulo no primeiro semestre, se comparado ao mesmo período de 2010.

Em Campinas, os dados mostram duas curiosidades. Enquanto a polícia campineira registra aumento nos casos de tráfico de drogas, o Disque-Denúncia tem recebido menos denúncias, mostrando que as pessoas estão com mais medo de avisar a polícia a serem vítimas por terem feito a denúncia. Este tipo de crime passou de 28% das ligações para 26%.

Em relação aos crimes contra os animais, este tipo de denúncia ocupava o sétimo lugar no ranking de registros no ano passado, com apenas 2,7% das chamadas. Neste semestre o número triplicou, passando para 14,42% e ocupando a sétima posição. Uma das mudanças na cidade é que uma delegacia especializada foi instalada. “É uma reação natural por causa da iniciativa do Poder Público (Delegacia Contra os Maus Tratos) e a repercussão deste tipo de crime na mídia”, disse o superintendente do Disque Denúncia, Mário de Oliveira Seixas.

Ranking de Denúncias
1º- Tráfico de Entorpecentes
2º-Jogos de Azar
3º-Maus Tratos Contra Crianças
4º-Indicação de Procurados
5º-Veículos Abandonados
6º-Arma de Fogo
7º-Crueldade Contra Animais
8º-Maus Tratos a Idosos
9º-Roubos Gerais
10º- Estelionato, entre outros

http://eptv.globo.com/campinas/noticias/NOT,1,1,360586,denuncia+de+maus+tratos+contra+animais+triplica+em+2011+disque+denuncia.aspx

A arte de dormir numa caixa

A arte de dormir numa caixa

Ou do seu lado.

Considere usar a aba superior da caixa como um travesseiro.

Se você está de pelo comprido, use o benefício da cauda como casaco.

Lembre-se que você e sua casa devem quase se tornar um.

Use sua imaginação: tente uma posição S-like.

Ou uma posição invertida, como C …

Ou até mesmo um L.

Se você confia totalmente em seres humanos, relaxe as pernas ao máximo.

Como há posições que as vezes não se encaixam bem, você pode sempre experimentar.

Se a caixa é pequena, tente deixar suas patas e cauda para fora dela …

ou esticar para fora apenas uma pata, como esta (pata traseira) …

Ou como esta (pata dianteira) …

Convide seu amigo para acompanhá-lo …

em sua caixa.

Seus tutores podem querer saber como você pode dormir assim …

Ignore-os…

Talvez eles nem percebam você…

Para evitar atenção indesejada, escolha uma caixa que corresponda à sua cor de pele.

Ou você pode tentar se esconder em uma caixa absolutamente inesperada …

Esta posição é para os gatos muito experientes em Yoga …

bem como esta …

Mesmo pequenas caixas vão deixá-lo tirar uma soneca…

Você pode usar qualquer estrutura de caixa para praticar um pouco …

Basta lembrar de ser criativo!

Um cachorro diz

“Somos o presente que pode transformar o seu tempo

presente no melhor presente, sempre.

Somos os maiores e melhores representantes da alegria.

A melhor tradução da folia, da alquimia e da terapia.

O prêmio máximo da loteria.

Aqueles que não se cansam nem de noite nem de dia…

Aqueles que o amam, mesmo que você nos dê um banho de água fria!

Conosco, todo mundo se sente mais leve e mais afetuoso.

Mais “light” e mais carinhoso.

Mais confiante e mais gostoso.

Os adultos voltam a ser crianças,

a vida se torna uma festança cheia de esperança.

Compreende-se então porque Deus nos criou para viver junto de você!

Ao nosso lado, ninguém se sente só.

Ao nosso lado, ninguém se sente mal-amado.

Ao nosso lado, ninguém se sente desalmado.

Ao nosso lado, ninguém se sente desamparado.

E o que é melhor: curamos a sua deprê, sem antidepressivos

e seus efeitos colaterais.”

Autor: Américo Simões….Edit. Bárbara

Leão Ariel não resiste a tratamento e morre em São Paulo

Que ele tenha o descanso merecido…

Leão Ariel não resiste a tratamento e morre em São Paulo

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

O leão Ariel, que ficou conhecido no país devido à luta de seus criadores para que ele voltasse a se movimentar, morreu por volta de 13h30 desta quarta-feira (27). O animal vivia em Maringá (PR) e estava em tratamento em São Paulo, mas não resistiu. A informação foi confirmada por telefone por Raquel Borges, dona do animal.

Impedido de andar devido a uma doença degenerativa, Ariel estava com dificuldades para se alimentar e respirar. O animal foi submetido a um tratamento inédito para tentar restaurar os movimentos das patas.

Ver em tamanho maior

Leão com paralisia mobiliza internautas

  • 110706leao_t_017.jpg
  • 110706leao_t_018.jpg
  • 110706leao_t_019.jpg
  • 110706leao_t_020.jpg
  • 110706leao_t_021.jpg
  • 110706leao_t_022.jpg
  • 110706leao_t_023.jpg

110706leao_f_014.jpg

Foto 14 de 23 – Com apenas cinco meses de idade, Ariel dorme na cama ao lado da dona, Raquel Borges; em 2010, o leão Ariel ficou doente, perdeu o movimento das patas traseiras e, desde então, passa o tempo deitado, precisando de ajuda dos criadores para poder se locomover. Uma comunidade na internet se mobiliza agora para custear o tratamento do animal Mais Arquivo pessoal

O leão tinha três anos de idade, e apresentou os primeiros problemas de locomoção em julho do ano passado. Ele não conseguia ficar de pé e precisava de ajuda para se movimentar e ser tratado.

Ele foi então transferido para São Paulo neste mês para passar por um tratamento inédito, nunca feito em animais, conhecido como plasmaférese –que consiste na remoção das células sanguíneas que causam a degeneração dos movimentos. Ele estava recebendo doações de plasma sanguíneo de outros leões.

Mais cedo, em nota oficial, a veterinária especializada em fisioterapia animal Livia Pereira havia informado que o leão tinha passado por um exame de raio-X para saber se a dificuldade respiratória poderia estar sendo causada por uma pneumonia. Mas Pereira declarou que seus pulmões não apresentavam esse problema.

Ariel passa por exames em São Paulo

"Descobrimos que seu pulmão está bem, mas ele está com acúmulo de líquidos na pleura, que é uma película que reveste o pulmão e a parede do tórax. O Ariel está recebendo suporte respiratório com oxigenioterapia. Faremos a punção do líquido que está na pleura para que ele consiga respirar melhor e a alimentação parenteral garantirá que ele não fique mais fraco ou desnutrido", explicou naquele momento a fisioterapeuta.

O leão também passou a ter convulsões e medicamentos foram aplicados para que o animal não voltasse a sofrê-las.

*Com reportagem de Dimitri do Valle, em Curitiba

Mae é quem cria

Simplesmente mais um lindo exemplo e lição de vida que os animais nos proporciona…bjs

Quantcast

Mable, uma galinha de 1 ano, de Shrewsbury, Reino Unido, acha que é um cão e assume o papel de mãe de um grupo de cachorros. Para a surpresa dos proprietários e da mãe original (que mais brinca no quintal que dá atenção para os filhotes), Mable assume o cesto sempre que tem essa possibilidade.
mae_adotiva_animal13.jpg?w=468&h=296
mae_adotiva_animal12.jpg?w=468&h=270
Na Colômbia, uma gata adotou um filhote de esquilo que foi resgatado das ruas. Ela abraça o filhote como se fosse sua verdadeira mãe
mae_adotiva_animal01.jpg?w=468&h=311
mae_adotiva_animal02.jpg?w=468&h=312
Essa mamãe adotou um porquinho orfão.

cachorra_adota_porquinho03.jpg?w=468&h=410
cachorra_adota_porquinho06.jpg?w=468&h=367
cachorra_adota_porquinho05.jpg?w=468&h=294
Cadela amamenta leãozinho como se fosse seu próprio filhote no zoológico de Ruchey Royev, na Sibéria. O filhote é o único sobrevivente de uma ninhada de quatro leões.
mae_adotiva_animal03.jpg?w=468&h=321
mae_adotiva_animal041.jpg?w=468&h=351
A labradora Lisha lambe suas crias: dois filhotes de tigres brancos. Mesmo sem ter tido nenhuma ninhada, as cadelas podem produzir leite, como foi o caso de Lisha. Ela tem dom para ser mãe. Além de adotar filhotes de tigres brancos, a fêmea também cria dois filhotes de chita.
mae_adotiva_animal05.jpg?w=468&h=351mae_adotiva_animal06.jpg?w=468&h=351
Cadela amamenta filhotes de panda em Taiyuan, na China. Os bichinhos foram abandonados pela mãe após o nascimento. A mamãe adotiva cheira os filhotes de panda antes de amamentá-los.
mae_adotiva_animal07.jpg?w=468&h=351mae_adotiva_animal08.jpg?w=468&h=351
Um casal de cães da raça golden retriever brincam com lontra selvagem em Pine Harbour, nos Estados Unidos. O animal foi adotado pelos cachorros depois de ser atropelado em uma rodovia. A cachorra trata a lontra como seu filhote.
mae_adotiva_animal09.jpg?w=468&h=351mae_adotiva_animal10.jpg?w=468&h=351
A tigresa Sai Mai, do Zoo Sriracha Tiger, na Tailândia, adotou três porquinhos que foram rejeitados pela mãe.
mae_adotiva_animal11.jpg?w=468&h=316
Amizade poderia inspirar produtores de cinema ou criadores de desenhos animados. Em uma casa de Christchurch (Inglaterra) a cadela Daisy e o gato Hector resolveram adotar os microporquinhos Chinook, Serge, Frenchie, Biscuit, Nimrod e Manuka. Todos comem, dormem e brincam juntos, diz a dona Jane Croft. A inglesa garante que, apesar da crença popular, os suínos adoram andar limpinhos.
mae_adotiva_animal14.jpg?w=429&h=328
mae_adotiva_animal15.jpg?w=468&h=290